X

Caminhadas em Lisboa – 3 rotas curtas e incríveis








Caminhadas em Lisboa – 3 rotas curtas e incríveis


Descubra as belezas de Portugal com uma abordagem diferente. Percorra fantásticos trilhos costeiros e conheça as fascinantes rotas de caminhadas em Lisboa e região.

Caminhadas em Lisboa em 3 rotas incríveis

São percursos envolvendo amplas baías de areia dourada e ao longo de falésias deslumbrantes, ou pelo interior, ao atravessar a Floresta de Sintra e os seus cumes verdejantes. Ao longo do caminho, você também poderá degustar de uma culinária deliciosa e visitará locais históricos incríveis. Vamos às dicas!

1) Rota da Biodiversidade em Belém

A primeira das caminhadas em Lisboa que sugerimos fica em Belém. Com quase 15 km, localizada no Jardim Vasco da Gama, a Rota da Biodiversidade une a frente ribeirinha da cidade ao Parque Florestal de Monsanto. O objetivo é conhecer a biodiversidade de Lisboa entre 18 pontos de interesse, das matas e bosques às quintas e pomares urbanos. Em cada um desses pontos o ecoturista encontra painéis informativos sobre a fauna e a flora da capital portuguesa.

Informações da caminhada:

  • Distância: 14 km.
  • A dificuldade é considerada baixa.

2) Palácio de Sintra

Dentre as possíveis caminhadas em Lisboa, a segunda que recomendamos se localiza nos arredores da capital, mais especificamente em Sintra, onde está Palácio de Sintra. O palácio, o Castelo dos Mouros e o Palácio da Pena formam uma pista circular de 11 km muito acessada por residentes e turistas. Esta pista oferece vistas panorâmicas e é classificada como moderada.

A trilha é usada principalmente para caminhadas e passeios, sendo acessível durante todo o ano. Este passeio os leva aos belos sítios históricos do Palácio de Sintra, que é o palácio real medieval mais bem preservado de Portugal. Além disso passa no Castelo dos Mouros, que foi fundado durante o século IX e o Palácio da Pena com o seu estilo de arquitetura do século XIX e suas vistas deslumbrantes.

Informações da caminhada:

  • Distância: 10 km.
  • A dificuldade é considerada moderada.

3) Percurso da Duna da Cresmina em Caiscais

A terceira das caminhadas em Lisboa que recomendamos está em Caiscais. A partir do Núcleo de Interpretação da Duna da Cresmina, este percurso possui apenas dois quilômetros, porém não deixa de ser recomendado. É ao longo do chamado sistema dunar Guincho-Cresmina, onde o ecoturista encontrará charcos, uma fonte de água doce, plantas nativas como a raiz-divina ou a sabina-das-praias, além de lagartixas-da-areia ou uma ave conhecida como pilrito-das-praias. Há painéis informativos que ajudam a identificar tudo.

Informações da caminhada:

  • Distância: 2 km.
  • A dificuldade é considerada baixa.

O que levar para as caminhadas em Lisboa?

  1. Calçados adequados: Trilhas exigem caçados adequados, sempre fechados. As opções mais comuns são os tênis de trilha e as botas de trilha, impermeáveis ou não.
  2. Itens de navegação (mapa, bússola e GPS): Mesmo em trilhas bem demarcadas, é sempre bom levar um instrumento de navegação. Eles são úteis para caso haja alguma situação de emergência que te obrigue a desviar da trilha ou para o caso de você simplesmente se perder.
  3. Água extra e pastilha de tratamento: O consumo insuficiente de água deixa o corpo mais suscetível à hipotermia, afeta o funcionamento do organismo como um todo e pode te deixar em situação de extremo risco. Por isso, é essencial sempre carregar água suficiente para o seu trajeto de ida e volta.
  4. Itens de segurança: lanterna, apito, cobertor de emergência e isqueiro: Mesmo que a trilha que você vá fazer seja curta e aparentemente tranquila, sempre leve alguns itens de segurança que podem literalmente salvar a sua vida em casos de emergência: lanterna, apito e cobertor de emergência.
  5. Roupas para chuva e muda de roupa extra: Por mais que você confira a previsão do tempo, escolha suas roupas de maneira a estar preparado para encarar chuva e leve uma muda extra para casos de emergência.
  6. Kit de primeiros socorros e higiene: A importância de um kit de primeiros socorros dispensa explicações. Um bom kit para trilhas deve incluir pomadas para picadas e alergias, curativos tipo Band-aid de tamanhos variados, gaze, ataduras (bandagem), esparadrapo, antisséptico para feridas e remédios para dor.

Não menos importante, vale recomendar que, ao se preparar para as caminhadas em Lisboa, contrate os serviços de uma agência de turismo especializada em ecoturismo e turismo de aventura. Certamente você contará com profissionais que auxiliarão na hora de escolher o que levar, além de estarem portando os itens necessários no dia da atividade. Boa caminhada!














Anúncios







Este conteúdo também está disponível em: Inglês