Blog Nattrip Portugal

Anúncios

Santiago de Compostela e seus caminhos

Santiago de Compostela é a capital da comunidade autônoma da Galícia, na Espanha. A cidade é um Patrimônio da Humanidade e está carregada de história e beleza.

O caminho de Santiago é uma peregrinação religiosa com registros desde o século IX, conhecida mundialmente, e atrai cerca de 300 mil turistas ao ano. Tem como finalidade venerar o apóstolo de Jesus Cristo, Tiago (Jacob/Xacob), que supostamente encontra-se sepultado na Catedral de Santiago de Compostela.

Santiago de Compostela Cover

A rota possui variados caminhos. Quando a notícia da descoberta da existência do sepulcro percorreu o mundo na idade média, muitas pessoas saíram de suas casas em busca da cidade Compostela. Por isso, muitos caminhos foram percorridos e mapeados. Algumas delas são o Caminho Primitivo e o Caminho Via da Prata, além do principal que é o Caminho Francês.

Em 1993, a Unesco decidiu incluir o caminho Santiago às rotas mundiais. De todas, atualmente o Caminho Francês de Santiago de Compostela é hoje a mais frequentada. Entretanto, o bom peregrino dirá que o Caminho de Santiago começa na porta da sua casa!

Santiago de Compostela 02

As pessoas que fazem a rota recebem um pergaminho em Latim, emitido pela Ordem de Santiago, uma vertente religiosa da Igreja Católica, que certifica que a pessoa fez o Caminho de Santiago por devoção, voto, piedade, e mais atualmente também reconheceu motivações não católicas, como fins espirituais ou desportivos.

Chamado de Compostelana, é um documento emitido pelo Escritório do Peregrino de Santiago em nome da Igreja e só é entregue a quem no mínimo conclui a pé ou à cavalo os últimos 100 km, ou de bicicleta os últimos 200 km de algum dos Caminhos de Santiago.

Como chegar à Santiago de Compostela?

Para chegar à cidade através de meios de transporte modernos como avião, o aeroporto da cidade fica em Lavacolla, a 11 km do centro. É possível chegar à Santiago de ônibus/autocarro, partindo de cidades próximas como Porto, Madrid e León. Também existe a possibilidade de utilizar o trem/comboio, que conecta Santiago de Compostela a Madrid e outras cidades.

Entretanto, fica nosso convite ao leitor para escolher o melhor caminho e o melhor modo de percorrê-lo, como fazem milhares de peregrinos todos os anos.

Santiago de Compostela 01

O que levar para percorrer as rotas e caminhos de Santiago de Compostela?

Para percorrer as longas rotas, não basta somente o preparo espiritual e físico. É necessário ter equipamentos adequados ou tudo pode se tornar bastante desconfortável. Conheça os diversos caminhos de Santiago e as rotas em Portugal e prepare sua mochila!

  • Uma mochila de boa qualidade e conforto, proporcional ao que se recomenda carregar de peso. Lembre-se que um peregrino irá encarar muitos quilômetros com a mochila nas costas.
  • Um calçado confortável, macio, com sola aderente, revestido e de preferência impermeável, não importa se é tênis ou bota.
  • Capa de chuva mas também chapéu.
  • Cuidado com o sol, leve camisas de manga longa com proteção UV e protetor solar.
  • Separe também uma lanterna e um estojo de primeiros socorros.
  • Entre os documentos, será necessário levar sua identidade europeia ou seu passaporte válido, ter um seguro viagem e, claro, a Credencial do Peregrino.
  • Lembre-se de andar sempre com algum dinheiro, pois diversas vilas são rurais e com pouca oferta de serviços.
  • Recomendamos levar um cartão de crédito para emergências e imprevistos.

Santiago de Compostela 07

Quando ir para Santiago de Compostela?

A melhor época para fazer um dos Caminhos de Santiago é entre abril e outubro. No entanto, na época das férias escolares na Europa (entre Julho e Agosto), sempre há muita gente pelos caminhos. Os albergues podem atingir sua lotação, os pequenos vilarejos podem não dar conta da demanda e as temperaturas de verão costumam ser bastante elevadas.

Também não é muito recomendado percorrer um Caminho de Santiago no inverno, já que a neve poderá bloquear alguns trechos, dificultar a rota e causar muitos problemas.

O que fazer na cidade de Santiago de Compostela?

Ao chegar à Santiago de Compostela, aproveite seus pontos turísticos e atrações, que vão muito além da Catedral e da peregrinação:

A Plaza del Obradoiro de Santiago de Compostela

A Plaza del Obradoiro é um lugar com um significado muito grande e cheio de energia. É exatamente onde está o quilometro zero de todos os caminhos de Santiago de Compostela. Basta esperar alguns minutos e o turista verá muitos peregrinos emocionados, e aliviados, por terem concluído seu objetivo.

Santiago de Compostela 03

O Centro Histórico de Santiago de Compostela

O centro histórico, também chamado em espanhol de “Casco Antiguo”, foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO no ano de 1985. A cidade de Santiago de Compostela possui um centro histórico bastante conservado, com ar medieval e construções em granito, que dão um clima um tanto macabro à noite.

Perde-se a conta de igrejas, mosteiros, conventos e outros prédios religiosos. Alguns deles abrigam surpresas como confeitarias que são produzidas pelas irmãs enclausuradas e que se pode comprar.

Santiago de Compostela 04

O Museu do Povo Galego

No Museu do Povo Galego, o turista pode entender um pouco mais sobre a história e cultura da população galega. Há diferentes temas divididos pelos museus como: mar, campo, músicas, memória, tradição, roupas e habitats.

Santiago de Compostela 05

Mercado de Abasto de Santiago de Compostela

O Mercado de Abasto da cidade é um dos lugares mais turísticos de Santiago de Compostela. É onde encontram-se produtos tradicionalmente galegos, tanto de terra quanto de mar. A visita à este atrativo gastronômico e cultural é altamente recomendada.

Santiago de Compostela 06

A energia de Santiago de Compostela

De acordo com muitos peregrinos que finalizam alguma das rotas, o Caminho de Santiago é uma jornada que ensina as pessoas serem mais humanas. Encontrar-se em si, definir melhor suas prioridades, apreciar e valorizar mais o que se tem.

Lá se cultiva o desapego, o minimalismo, o essencial, a ajuda ao próximo e é o melhor local para cuidar da alma. Os peregrinos se preocupam uns com os outros, e a todo momento se desejam “buen camino, ultreia et suseia”. A saudação deriva do latim e emanam significados de apoio, como “sempre em frente”, “não desista” e “é possível, acredite”.

Redator
Natália Freitas

Natália Freitas

Turismóloga

Formanda em Turismo pela Universidade Anhembi Morumbi em São Paulo, Natália é uma apaixonada por viagens. Busca conquistar diferentes oportunidades, disposta a adquirir mais conhecimento e vivenciar novas experiências.

Quer fazer parte do clube?

Posts mais recentes

Anúncios

Confira os principais roteiros da Nattrip em Portugal

Roteiros disponíveis em breve.

Outros posts interessantes
Rota Jacobea cover2
Gallaecia e o segredo de Compostela Cover
Galícia - Cover 4

Este conteúdo também está disponível em: Inglês